A HP, fabricante de impressoras, computadores e cartuchos, e a rede Kalunga, maior varejista de materiais de escritório, fizeram uma parceria para lançar um novo serviço no país: o eCartucho, programa de reabastecimento automático de cartuchos e toners para consumidores, empresas e comerciantes.

O Brasil é o primeiro país fora dos Estados Unidos a ter um serviço como esse.

Funciona assim: o consumidor se cadastra no site da varejista (www.kalunga.com.br/ecartucho) ou em uma das 200 lojas da rede, informa seu endereço, o modelo da impressora, escolhe a forma de pagamento.

A partir disso, recebe automaticamente em seu endereço cartuchos de tinta e toners com 15% de desconto e frete grátis.

Após fazer o cadastro, o cliente é direcionado ao site da HP para completar a instalação do sistema que fornece à Kalunga a informação de que a tinta está acabando.

Quando o sistema percebe que o nível de tinta na impressora está baixo, a loja envia os suprimentos diretamente ao endereço cadastrado por meio do serviço de delivery.

Sabrina Lacerda, gerente de produto de suprimentos da HP Brasil, destaca que, com o eCartucho o consumidor “não ficará na mão”, nem terá mais a surpresa de a tinta acabar no meio de uma impressão.

“Há ainda vantagem de economia no preço, com desconto, e a comodidade de ter o produto entregue no seu endereço”, diz a executiva.

“O eCartucho é um projeto que está em linha com a nossa estratégia de cada vez mais trazer praticidade e rapidez aos nossos consumidores”, afirma Felipe Algazi, gerente de business intelligence da Kalunga.

A Kalunga foi um dos primeiros parceiros da HP na instalação de Ecobins, que são caixas coletoras encontradas em todas as lojas em que o consumidor poder descartar equipamentos e cartuchos da marca.

Atualmente, 80% dos cartuchos HP possuem até 70% de plástico reciclado em sua composição.

Os cartuchos vazios e outros produtos (impressoras, computadores) coletados nas Ecobins instaladas em vários estabelecimentos em todo o país retornam à empresa por meio do Programa de Reciclagem HP Planet Partners.

Após a coleta, são levados para a unidade de reciclagem da HP em parceria com a fábrica Sinctronics, em Sorocaba, onde são reciclados e as matérias-primas são reinseridas na cadeia produtiva para a fabricação de novos cartuchos ou de outros itens da HP.

“O ciclo produtivo é completo e fechado. Diminuímos os impactos ambientais, com a destinação correta de resíduos, que não são enviados para os aterros, além de minimizar o uso de novos insumos, como energia e água, e de matérias primas”, diz Claudio Raupp, presidente da HP no Brasil.

Para a reciclagem de cartuchos, é feito a retirada e a separação das embalagens, que também são recicladas. Em seguida são removidas as etiquetas e as esponjas internas que retêm a tinta do cartucho.

Também são removidos os circuitos eletrônicos e depois é feita a limpeza dos cartuchos plásticos com soluções líquidas. Só então é os cartuchos plásticos limpos são triturados.

No caso de impressoras e outros itens, o plástico é separado em uma linha de montagem de outros materiais, como metais ferrosos, cobre e alumínio, e depois são triturados para virar novamente matéria-prima para cartuchos e outros itens.

Iniciativas

A parceria foi anunciada nesta semana, quando a HP apresentou um plano de Impacto Sustentável para atingir a meta de reciclar 1,2 milhão de toneladas de hardware e suprimentos até 2025.

E também mostra a iniciativa da indústria de se aproximar de seu consumidor final – tendência cada vez maior entre os fabricantes de diferentes segmentos.

A meta de reciclagem da empresa é cinco vezes maior do que a atual e deve ser obtida, segundo a companhia, com processo de inovação e tecnologia não só nos seus produtos, mas na fabricação e em toda a cadeia de fornecedores, parceiros, distribuição e modelo de comercialização para que se reduza o impacto ambiental.

Nos últimos cinco anos, a HP Brasil coletou e reciclou mais de 5.000 toneladas de produtos HP e fabricou mais de 8,2 milhões de impressoras com conteúdo reciclado.

Em 2018, a impressora HP Ink Tank, fabricada no Brasil, continha 20% de conteúdo reciclado. A meta da HP é atingir 32% de conteúdo reciclado até 2020.

Também foram apresentados, no ano passado, os primeiros cartuchos de tinta originais HP com garrafas plásticas recicladas no Haiti.

“Até março de 2018, fornecemos mais de 170 toneladas de plástico, ou mais de 8,3 milhões de garrafas plásticas do Haiti, plástico que deixou de ir para rios e oceanos”, diz Marcos Razon, vice-presidente e gerente geral de operações da HP na América Latina.

 

A HP EM NÚMEROS

  • A empresa evita que 1 milhão de garrafas plásticas sejam enviadas a aterros sanitários todos os dias, usando-as em novos cartuchos de tintas
  • 80% dos cartuchos de tinta originais da HP contêm plástico reciclado por meio de um processo de ciclo fechado
  • 735 milhões de cartuchos de tinta e toners são reciclados por meio do HP Planet Partners
  • redução de 33% na pegada de carbono. o equivalente a retirar 4.125 carros das ruas por um ano
  • diminuição de 75% no consumo de água, o suficiente para bastecer 283 milhões de residências (americanas) por um dia

Como funciona

O programa HP Planet Partners está disponível em 76 países e territórios em todo o mundo, incluindo oito países da América Latina e Porto Rico.

No Brasil, o programa reciclou mais de 797 toneladas de produtos da marca.

A HP tem várias opções de reciclagem para equipamentos usados, incluindo opções de coleta gratuitas nos diversos países em que atua.

As informações podem ser obtidas aqui:   https://h30248.www3.hp.com/recycle/br-hardware/

Ou no call center da empresa: 0 800 724 8253.

OS NÚMEROS DO IMPACTO SUSTENTÁVEL

  • Até 2050, haverá 9,8 bilhões de pessoas na Terra
  • O consumo de energia deve crescer em 48%
  •  As emissões de gases do efeito estufa devem aumentar 34%
  •  A demanda por água será 40% maior do que a oferta
  • Nesse ritmo, até 2050, precisaremos de 2,3 Terras para atender a essas necessidades
Fonte: Conselho Empresarial Mundial para o Desenvolvimento Sustentável

Foto principal: Linha de desmontagem de produtos da Sinctronics/ Divulgação

Veja mais aqui:

Anúncios

Escrito por Claudia Rolli

Jornalista especializada em economia, negócios e varejo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s