Fato

Existe uma lei que estabelece as regras para as trocas de mercadorias no comércio.

Muitos varejistas, porém, não cumprem os preceitos mais básicos, impondo condições para realizá-las.

Com aumento das vendas pela internet e as dificuldades da logística reversa no Brasil, há uma tendência de crescimento das trocas nas lojas físicas.

Mito

A troca é pura perda de tempo, pois os vendedores e funcionários da loja vão se dedicar a uma atividade que não gera receita.

Nos dias de maior movimento não aceito trocas, pois minha equipe tem de se dedicar a vender.

Realidade

As trocas se tornaram uma grande oportunidade para fidelização e vendas adicionais.

No momento da troca, os clientes estão muito mais receptivos a sugestões, pois se sentem gratos pelo simples fato de a loja resolver o seu problema.

Facilitar as trocas não incentiva comportamentos oportunistas. Cria, sim, uma relação de confiança e transparência com os clientes.

Durante o processo de troca, é possível conhecer melhor as necessidades e as carências dos clientes, criando oportunidades de vendas imediatas ou futuras.

 

Anúncios

Escrito por Fátima Fernandes

Jornalista especializada em economia, negócios e varejo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s